Salma Cortez - Terapeuta

Falando sobre a minha história... Meu nome é Salma, estou com 50 anos de idade, sou mãe da Clarinha, uma adolescente com 14 anos de idade que adora ouvir BTS e falar em “crush”...rs... Profissionalmente, eu cursei Adm na FAAP, cursei o CEAG na FGV e me formei em Psicologia pela USP. E, agora, membro-associada da SBDORF ( Sociedade Brasileira de Dor Orofacial ). Toda a minha carreira, desde o estágio foi desenvolvida em RH. Trabalhei em ótimas empresas como Reuters, Nike, Nextel e Columbia. Não obstante, sabia que não era a minha principal missão atuar no âmbito organizacional, mas foi através desta carreira que pude fornecer a mim e a minha filha o sustento financeiro necessário para que tocássemos nossas vidas. Além disso, desenvolvi o domínio da Grafologia, da profundidade de olhar através de centenas de Assessment e Avaliações de Potencial de Executivos que faziam parte do meu dia-a-dia. Graças a esse trabalho, o olhar diagnóstico foi apurado. Como o trabalho de cura sempre caminhava comigo, percorri o caminho das terapias complementares: fiz o mestrado em Reiki, aprendi sobre o uso de cristais, adquiri noções sobre florais de Bach, mas foquei em duas principais: os florais do Sistema Joel Aleixo e a formação profissionalizante em EFT. O curso de formação no SJA se estende por 4 anos, com provas, relatórios, estágio, atendimentos em ambulatório... enfim, é um curso muito bem estruturado. No meu terceiro ano de formação, propus um projeto de pesquisa à Escola que foi imediatamente aceito e financiado. Meu colega, Marcelo Chelotti – que é formado em Odontologia com especialização em Buco-maxilo, e eu, com supervisão da Escola de Alquimia, estruturamos e operacionalizamos o projeto de pesquisa em Disfunção TemporoMandibular, por termos plena convicção de que havia um forte viés psicossomático na origem da DTM e que, embora, passasse pelo stress, não se limitava a ele. Os Florais do Sistema Joel Aleixo trabalham muitíssimo bem mudança comportamental indo ao nível de limpeza de Traumas Intrauterinos e sabe-se, pela experiência empírica da clínica, que há efetividade nestes tratamentos. Assim, nos lançamos no projeto e atendemos gratuitamente 19 voluntários que não precisaram pagar por nada do tratamento. Eles eram atendidos uma vez por mês, por mim e pelo Marcelo e recebiam a medicação floral para ser tomada durante o mês. Os resultados foram maravilhosos e apresentados no Congresso de Alquimia. Juntamente com o projeto de pesquisa, Marcello e eu nos especializamos em DTM e tivemos aula com o Dr. Fernando Falchi, que é formado em Odontologia pela USP e também professor desta renomada instituição. É por isso que falo com tata convicção e entusiasmo do tratamento para vocês. Hj, já Alquimista formada,faço o meu segundo curso de especialização em EFT, estudo Astrologia com Nilton Schutz e sou membro associado da Sociedade Brasileira de Dor Orofacial, a segunda Psicóloga a entrar na Sociedade desde sua fundação.